fbpx

Bus Vitivinícola: uma rica experiência de enoturismo em Mendonza, Argentina

Um dos grandes entraves na realização de passeios em vinícolas é a locomoção.  Por isso, o Bus Vitivinícola, de Mendonza, surgiu para suprir uma necessidade através de experiências memoráveis nas vinícolas e empreendimentos da região de Lujan de Cuyu, Maipú e Valle de Uco, da Argentina. Com isso, o turista pode beber tranquilamente sem se preocupar com a viagem de volta dos lugares.

O ônibus tem seis partidas semanais de terça-feira a domingo a partir dos principais hotéis da cidade de Mendonza. Conta com coordenador bilíngue para melhor atender os participantes do passeio e trabalha com o sistema Hop On e Hop Off, onde o turista desce e sobe do ônibus nas vinícolas do passeio escolhido.

Um dos maiores atrativos do ônibus é que cada dia tem um itinerário diferente, o que possibilita ao turista realizar o passeio mais de uma vez na viagem. Também há a possibilidade de escolher o ‘tour integral’, que dura todo o dia, ou apenas meio período.

O ticket do Bus não inclui os preços de visitação, degustação e refeições oferecidas pelas vinícolas. O site, entretanto, oferece a opção de consulta de valores dos empreendimentos do itinerário. Caso o turista opte por não almoçar em uma das vinícolas, pode levar sua própria refeição e consumi-la dentro do ônibus.

Vale ressaltar que o ônibus é muito pontual em seus horários. Por isso, recomenda-se chegar 5 minutos antes do horário previsto de partida nos lugares de ‘pick up’.

Nos impressionamos com a qualidade das estruturas do ônibus e com a presteza da equipe. Mas o mais importante é que percebemos que o Bus Vitivinícola entende o sentido mais completo de ‘enoturismo’, que vai além das visitas às vinícolas e busca entender as histórias, cultura, paisagem e gastronomia local.

Em nossa visita, fizemos o ‘Camino del Vino Maipú’. Lá, visitamos as vinícola Trivento, Tempus Alba, Trapiche, Bodega La Rural e o empreendimento Frutta Roja.

A Trivento nos possibilitou uma experiência muito significativa e diferenciada. Isto porque a degustação é feita em diversos espaços: o primeiro vinho foi degustado na sala de arte; junto aos vinhedos, outro e dentro da sala de barricas, um terceiro vinho. A visitação é conduzida por atendentes especializados em enoturismo.

A Tempus Alba é uma vinícola familiar que usa tanques menores e trabalha com diferentes ‘clones’ de Malbec. É famosa por elaborar vinhos mais simples e sutis.

A Trapiche foi onde, além da visitação, almoçamos. Recomendamos o restaurante, que oferece refeições muito bem preparadas e com a possibilidade de fazer ou não a harmonização.

O Frutta Roja é um empreendimento familiar criado por um ex-bancário que, junto de sua família, se especializou em produção de conservas gourmet. Linda trajetória de uma família que procurava maior qualidade de vida e hoje em dia vende produtos de altíssima qualidade.

A Bodega La Rural é conhecida por seus famosos vinhos ‘Rutinis’, renomados e de altíssima qualidade. A vinícola também abriga o Museo del Vino, que conta a rica história da vitivinicultura do país.  O local reúne uma série de utensílios utilizados na vitivinicultura em desuso atualmente. É um valioso testemunho da época em que nasceu a indústria vitivinícola argentina e serve de homenagem permanente às pessoas que iniciaram a tão amada atividade.

Preços

Na vinícola Trivento, a degustação de três vinhos, visitação e uma taça de brinde custou 380 pesos (R$38), com 20% de desconto.

Na Frutta Roja Gourmet, a visitação custou 150 pesos (R$15), e também  compramos deliciosas e diferenciados produtos.

No Tempus Alba, pagamos 160 pesos (R$16), com 10% de desconto na visita. Também é possível almoçar no local.

Na Bodega La Rural, custa 270 pesos (R$27) a visita e degustação tradicional e 533 (R$53) pesos a degustação de cinco vinhos ‘Rutinis’, marca renomado. O valor desta última degustação pode ser descontado da entrada.

O passeio de dia inteiro do Bus Vitivinícola custa 950 pesos argentinos, o equivalente atual a cerca de 95 reais; e o de meio período, 800 pesos, cerca de 80 reais.

Quer saber mais sobre nossa visita a Mendonza? Clique aqui!

Importante:

O Viajante Maduro viaja como ideal de vida e profissão.

Esta matéria contou com a colaboração da jornalista Júlia Beatriz de Freitas.

O Viajante Maduro fez os passeios a convite do Bus Vitivinícola.

A opinião aqui expressa é a nossa verdade!

Não deixe de curtir nossa página no Facebookno Pinterest, no Youtube e no Instagram. Também aproveita e te inscreve aqui no blog, cadastra teu e-mail, assina e depois, quando receber o e-mail em sua caixa de mensagens, confirma! Isso é super importante para a gente! Estímulo para continuarmos com este blog. Agradecemos!

Esperamos que tenham gostado desta postagem, que teve sua elaboração feita com muito carinho e atenção. Queremos compartilhar nossas experiências com o objetivo de ajudar aos nossos leitores a terem experiências e vivências memoráveis em suas viagens, como nós.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:

Comentários