São José do Norte, mais um destino da Costa do Mar, na região da Costa Doce Gaúcha, que nos cativa!.

Por que aglomerar, se há um litoral tão extenso?

Matéria publicada originalmente na Zero Hora – clique aqui

Agradecemos a Rosane Tremea pelo convite para colaborar com o Caderno Recorte de Viagem!

 

Já havia me encantado com o belíssimo centro histórico de São José do Norte, estratégico município na formação do Rio Grande do Sul, mas desta vez descobrimos os distritos onde há importantes atrativos. O destino nos levou ao distrito do Barranco, lugar banhado pela Lagoa dos Patos, com dois bons restaurantes e uma calmaria só. Locamos uma casinha no próprio restaurante Beira da Lagoa e passamos bons dias relaxando e nos deliciando.
Emancipada de Rio Grande em 1832, São José do Norte fica 360 quilômetros ao sul de Porto Alegre, entre o Oceano Atlântico e a Laguna dos Patos. Segundo o histórico do município, durante a Guerra dos Farrapos aliou-se ao Império, recebendo, em 1841, por Decreto do Imperador Dom Pedro II, a denominação de “Mui Heróica Vila de São José do Norte”, em função da resistência às tropas farroupilhas que, por ela, queriam chegar ao porto de Rio Grande.

 

Nos acompanhe também pelo Instagram e Facebook.

História

Território estratégico na formação do Rio Grande do Sul. atuando na  defesa da costa, no caminho para transporte do gado, no acesso a Santa Catarina e ao Uruguai, atravessando-se o canal de Rio Grande, conforme consta em seu histórico. Localiza-se a aproximadamente 360 quilômetros ao sul de Porto Alegre, entre o Oceano Atlântico e a Laguna dos Patos, sendo formado por  águas docessalgadas e campos
Em 1832, São José do Norte foi qualificada como município, emancipando-se de Rio Grande.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:


O Destino nos Conduziu para a Praia do Barranco

Chegamos a São José do Norte de balsa, com nosso carro. Em outra oportunidade já cheguei sem carro, na Hidroviária  local, que possui acentuado trânsito de pessoas e de veículos e fica localizada no centro da cidade. Em verdade chegamos e logo fomos para Tavares (ver post aqui) e depois de dois dias lá, voltamos para S. José do Norte (quase duas horas de viagem pela BR 101 – em muito boas condições – que não lembra em nada a antiga ‘estrada do inferno’) e, num rompante, decidimos ficar por uns dias na Praia do Barranco, depois de chegarmos até ela por meio do convite de uma placa.
Praia do Barranco, dista 20 quilômetros do centro de São José do Norte. A praia de água doce e calma da Laguna dos Patos é um local para quem deseja viver uma experiência de tranquilidade, considerando a estrutura extremamente simples e pouco habitada do local. Além da água o que atrai os visitantes é o almoço no Restaurante Beira da Lagoa, conhecido pela comida caseira e pelos pratos com peixes e frutos do mar.  Nos fartamos comendo camarão, bolinho de peixe, bolinho de siri, peixe… Depois do almoço o pessoal costuma pedir pastéis. Fomos tão bem acolhidos, que conversamos com uma das sócias do restaurante, a Cristina, que também tem 3 casinhas de madeira simples para alugar e realizamos o sonho do Rômulo de ficar numa praia (quase) deserta para descansar por uns dias.

O restaurante abre de terça a domingo, das 9 às 17h, no período do verão. O bom de estar aqui é aproveitar a gastronomia local e aproveitar as manhãs de calmaria (especialmente durante a semana, já que nos finais de semana o movimento aumenta), fazendo caminhadas ao longo da lagoa que é bem rasinha. Observar os pescadores, com seus barquinhos, enquanto bebemos um vinho branco gelado, com camarões ou deliciosos bolinhos de peixe e siri é um verdadeiro luxo. Sim, o luxo está no tempo que nos permitimos viver a essência do ser, com a simplicidade descomplicada que deveria permear nossa vida.

Conforme o Plano Municipal de Turismo (tive a honra de participar da construção, em 2019, como consultora para o Sebrae), o município possui o seguinte posicionamento:

  Descubra um destino natural, com uma fauna diversificada, onde a Lagoa
encontra o Oceano, formando sinuosas dunas.
Deixe-se envolver por um lugar tranquilo e acolhedor, com uma rica
herança histórica, onde o passado e o presente se encontram e se
expressam no patrimônio material e imaterial.
Inspire-se em São José do Norte, na Costa Doce do Rio Grande do Sul!  

No mesmo dia fomos para o centro, ver o problema do pneu que esvaziou novamente. Conserto feito por exímios borracheiros (O Mano), fomos circular pela cidade. Estava ávida por apresentar este belo lugar para o Rômulo.

 

Atrativos de São José do Norte

É no Centro que ficam, além do comércio, boa parte das pousadas e dos restaurantes. Adoramos caminhar pelas irregulares quadras, observando os antigos prédios. Nos encantamos com a Igreja Matriz de São José, de 1860, construída com materiais trazidos de Portugal, em estilo barroco colonial com detalhes neoclássicos, e a Praça Intendente Francisco José Pereira, com um chafariz (lindo, mas desligado) e o busto de Giuseppe Garibaldi, cercado de três marias.

Percorremos pouco mais de sete quilômetros, desde o Centro, para conhecer a Praia do Mar Grosso. Calma e tranquilidade nos invadiram. Também é possível observar a diversidade de fauna e flora. Soubemos que as condições do mar a torna ideal para a prática de esportes náuticos como surf, kitesurf e caiaque. Algo que nos perguntamos é a razão de as pessoas se aglomerarem em algumas praias do Litoral Norte quando existe um extenso litoral no Estado onde o isolamento é possível e agradável.

Depois, nos afastamos um pouco para conhecer outros lugares: nos encantamos com a Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem, a Torre Atalaia e o Farol da Barra, na Povoação da Barra, um conjunto de atrativos que vale muito ser visitado. Inaugurada em 1851, a igreja tem características da arquitetura jesuítica do século 16 e fachada simples. Seu nome é uma homenagem dos trabalhadores do mar, que cruzavam a “barra indomável”, superando os obstáculos nas suas viagens com a proteção de Nossa Senhora da Boa Viagem. A torre é de 1820 e foi desativada em 1972. Erguida em alvenaria e ferro, foi considerada a primeira obra de engenharia do RS de altura expressiva: 28 metros, divididos em três andares. O Farol, o primeiro construído no Estado, é 1852, tem 31 metros de altura e alcance de 16 milhas náuticas.

Rodamos um pouco mais e fomos até a Quinta Secção da Barra que abriga os Molhes da Barra _ para entenderem, o Molhe Leste fica em São José do Norte, enquanto o Oeste fica em Rio Grande. Queríamos ver os lobos marinhos, mas soubemos que teríamos de andar nesta longa obra de engenharia, não apropriada para caminhadas, por mais de uma hora. Deixamos para os mais jovens e aventureiros. Voltamos, mas mesmo assim valeu a visita. Ver o ‘casamento’ das águas doces da Lagoa dos Patos com as águas salgadas do Oceano Atlântico é mágico.

Também adoramos conhecer a Barrinha do Estreito, onde o Rômulo fez um belo mergulho. A 35 quilômetros do Centro, ali é possível ver a água da Laguna dos Patos correndo em direção ao mar, próximo de uma mata de pinus. Pouquíssimas pessoas vão até lá e foi muito agradável nadar nestes canais.”

 Já falamos sobre Tavares e Mostardas. Leia aqui 


Importante:

O Viajante Maduro viaja como ideal de vida e profissão.

Em todos os lugares mantivemos um comportamento de responsabilidade, privilegiando os espaços que nos ofereciam segurança (Ambiente Limpo e Seguro), com relação ao Covid-19.

O Viajante Maduro fez uma Road Trip pelo Brasil, especialmente nas regiões Sul, Norte e Centro-Oeste.

Esta matéria contou com a colaboração da futura publicitária Lúcia Fávero Moraes.

A opinião aqui expressa é a nossa verdade!

Não deixe de curtir nossa página no Facebookno Pinterest, no Youtube e no Instagram. Também aproveita e te inscreve aqui no blog, cadastra teu e-mail, assina e depois, quando receber o e-mail em sua caixa de mensagens, confirma! Isso é super importante para a gente! Estímulo para continuarmos com este blog. Agradecemos!

Esperamos que tenham gostado desta postagem, que teve sua elaboração feita com muito carinho e atenção. Queremos compartilhar nossas experiências com o objetivo de ajudar aos nossos leitores a terem experiências e vivências memoráveis em suas viagens, como nós.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:

Comentários