Treze Tílias – Santa Catarina: o Tirol Brasileiro, Um Pedacinho da Áustria no Brasil

Cruze a ‘fronteira’ sem sair do Brasil

Logo após a Primeira Guerra Mundial a Áustria se vê em situação crítica e algo inusitado acontece. O Ministro da Agricultura austríaco, Andreas Thaller, decide migrar para o Brasil, juntamente com outros moradores da região, com diversos saberes e fazeres. Chegando no Brasil, em 1933, se identificam com esta região, que já era habitada por alguns alemães e italianos que aqui se estabelecem, mantendo a cultura tirolesa e austríaca.

Neste pequeno território o turismo tem grande importância. Há uma considerável rede de meios de hospedagem, restaurantes, artesãos, escultores e comércio que dependem desta atividade. Essa foi uma das razões de termos escolhido esta cidade como parada em Santa Catarina. Sei que a pandemia tem afetado, e muito, os negócios locais. Hora de nos apoiarmos mutuamente.


Nos acompanhe também pelo Instagram e Facebook.


Hospedagem – Villa Grutal – Hospedaria e Camping

Optamos por esta hospedaria para ficarmos num apartamento térreo individual, todo montado, com sala e cozinha conjugada, amplo quarto e estruturado banheiro, cercado por mata, riacho e muita paz. Chegamos e a Cristina nos avisou que a chave estava na porta e que poderíamos adentrar à nossa residência por estes dias. Linda confiança! Uma mensagem de boas-vindas e muitos mimos, como bombons, girassol, e todo o conforto para vivermos aqui, até por muito mais tempo do que o previsto.

O café da manhã não está incluso, mas a cozinha é muito bem equipada, até com cafeteira e pó de café. Todo o básico para prepararmos nossas refeições neste belo local, com a vantagem de podermos fazer um piquenique nas mesas dispostas no jardim e no bosque.

Num dos dias aproveitamos a dica da Cristina e tomamos café da manhã no Hotel Tirol, onde ela também trabalha.

As reservas podem ser feitas por este link, as diárias são muito convidativas e, realmente, a relação custo x benefício é excelente. Além disso, os anfitriões, Marcelo e Cristina são muito acolhedores e simpáticos. Eles estão preparando a área onde residem para receber motor-home e camping também.

Restaurantes

Há uma grande gama de restaurantes e a identidade principal e, obviamente, a comida austríaca. O Rômulo matou a vontade de comer uma salsicha bock com chopp local e eu me deliciei com um apfelstrudel.

Nos deliciamos no  Biergarten (mais simples ao meio-dia – ideal para um chopp ou cerveja), no Restaurante Parque Lindendorf (adoramos o lugar, o atendimento e a comida típica), no Eiskaffe Trudi (delicioso apfelstrudel), no Restaurante Edelweiss, onde provamos as deliciosas cervejas e chopps da Bierbaum. Adoramos o café da manhã do Hotel Tirol, uma gentileza da Cristina e do Marcelo do Villa Gruntal.

Cervejarias

Há várias cervejarias artesanais por aqui, cumprindo com o imaginário que tínhamos. Visitamos a DB Cervejaria. Aqui nos encantamos com a parceria dos sócios, a inovação nos equipamentos e, principalmente as histórias contadas pelo Carlos Felder.

Uma das mais famosas cervejarias é a Bierbaum, que fica junto ao restaurante Edelweiss, citado acima.

Vinícolas

Não conseguimos visitar a Vinícola Kranz, pois estavam em período de safra. Reservas e informações: www.vinicolakranz.com.br

Aproveitamos a estadia por aqui e fomos até o município de Água Doce, onde visitamos a Vinícola Villaggio Grando. Uma linda história de superação, já que a mesma foi destruída pelo vendaval de junho de 2020. O lugar é belíssimo! Um parque gramado, cercado por frondosas araucárias, com um grande e belo lago, várias mesas nos jardins e excelentes vinhos. Recomendamos veementemente!

 

Artesanato e Esculturas

Visitamos a Casa do Artesão. Nos encantamos com as peças entalhadas na madeira. Muito fácil de achar numa caminhada pelo centro da cidade as obras de arte nas ruas e os mais de 11 ateliês/oficinas e suas lojas.

Eventos

A cidade é pródiga em eventos. Dá pena de ver o lindo calendário de eventos sobre a mesinha da sala de estar. Sabemos que não puderam ser realizados em função da pandemia. Que tudo passe para podermos voltar e apreciar o Tirolfest que acontece em outubro, no Parque Johann Otto Kung (88 anos de Imigração Austríaca em 2021)

 

Outros atrativos

Caminhamos muito pela cidade. Adoramos conhecer o Mundo Tirolês, uma grande loja que mais parece um parque temático da cultura tirolesa. A Praça da Cidade, a Prefeitura, o Castelinho, os Monumentos, a Igreja e as lindas residências. Infelizmente o Museu Andreas Thaler estava fechado, fica para uma próxima (reforma). Também o Parque do Imigrante (em frente à nossa hospedaria) estava fechado, mas recomendamos para uma caminhada, pelo que vimos.

Eles também têm um Parque Aquático. Fica como dica, especialmente se vier com crianças. Informações no www.parqueaquaticotrezetilias.com.br

 

Importante:

O Viajante Maduro viaja como ideal de vida e profissão.

Em todos os lugares mantivemos um comportamento de responsabilidade, privilegiando os espaços que nos ofereciam segurança (Ambiente Limpo e Seguro), com relação ao Covid-19.

O Viajante Maduro está fazendo uma Road Trip pelo Brasil, especialmente nas regiões Sul, Centro e Sudeste.

Esta matéria contou com a colaboração da futura publicitária Lúcia Fávero Moraes.

A opinião aqui expressa é a nossa verdade!

Não deixe de curtir nossa página no Facebookno Pinterest, no Youtube e no Instagram. Também aproveita e te inscreve aqui no blog, cadastra teu e-mail, assina e depois, quando receber o e-mail em sua caixa de mensagens, confirma! Isso é super importante para a gente! Estímulo para continuarmos com este blog. Agradecemos!

Esperamos que tenham gostado desta postagem, que teve sua elaboração feita com muito carinho e atenção. Queremos compartilhar nossas experiências com o objetivo de ajudar aos nossos leitores a terem experiências e vivências memoráveis em suas viagens, como nós.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:

Comentários