10 Livros para Acompanhar Sua Viagem

Dia desses fui provocada por uma postagem, feita pela amiga Fah Maioli, no Facebook, me solicitando listar os 10 melhores livros da minha vida. Separei os que eu ainda tinha em casa e que foram mais importantes em meu crescimento pessoal, no passado e no presente. Com certeza haveriam outros.

Achei oportuno apresentar aqui a lista, já que também pode ser uma dica de leitura de viagem. Sim, sou das leitoras que sempre leva um livro na bagagem e, sendo assim, entendo que posso estar contribuindo com outros leitores viajantes.

Livros que amo:

1) Um dos mais marcantes livros da minha vida, que soube falar com poesia sobre a solidão e que me ensinou muito sobre o gaúcho do Pampa infinito, sobre o envelhecer, sobre as cidades abandonadas. Agradeço muito ao Professor Leonir Razador por ter apresentado (e lido) o livro nas aulas realizadas em Monte Belo do Sul, no extinto Colégio Cenecista, comandando pelas irmãs religiosas. Sua interpretação do texto faz deste livro um dos mais lembrados de minha vida. Enquanto a Noite Não Chega, de Josué Guimarães, “É a história de uma cidade abandonada, onde os últimos moradores são um casal de velhinhos, Dom Eleutério e Dona Conceição, e um coveiro, Seu Teodoro, que mantém duas sepulturas abertas à espera de que os dois morram e ele possa ir embora para outra cidade.”

2) George Orwell marcou-me com dois livros: “1984” e “Revolução dos Bichos“. Ambos são uma análise cítrica da sociedade que vivemos. “O grande irmão zela por ti” ou te controla? Quanto é sedutor o poder e o quanto ele corrompe. O duplipensar. Não há como ler estes livros sem mudar a percepção sobre nossa forma de viver. Me sacudiram!

3) Ralph Waldo Emerson foi-me apresentado pelo Rômulo De Jesus Dieguez de Freitas, com quem eu espero ter mais tempo para viver a vida lendo e viajando. Meu livro preferido, de Emerson, é Ensaios. Mas há outros. Frases que fazem parar e pensar, como “Apenas a vida pode transmitir vida”. Aprendizado que surge da reflexão: “A verdade é nosso elemento de vida, mas, se um homem ata sua atenção a um único aspecto da verdade e somente nele se aplica por um longo tempo, a verdade é distorcida e deixa de ser ela mesma, para ser o falso”. Obrigada!

4) Adoro ler Isabel Allende, leitura fácil e agradável, envolvente. Mas amei o “Afrodite, Contos, Receitas e Outros Afrodisíacos”. Uma delícia, para ler sem compromisso, enquanto toma um banho de sol (reposição de vitamina D  ) ou quando quer relaxar no final de um dia. Fala do puritanismo e do excesso da vaidade limitando os reais prazeres da vida. Vale a leitura, mulheres (e homens também – para entenderem melhor as mulheres)! “Arrependo-me dos pratos deliciosos rejeitados por vaidade, tanto como lamento as oportunidades de fazer amor que deixei passar para me dedicar a tarefas pendentes ou por virtude puritana”.

5) Domenico De Masi me encanta desde que li seu “O Ócio Criativo”. O sociólogo italiano me encantou ainda mais com o “O Futuro Chegou“. Aqui ele apresenta diversos modelos de vida, afinal, são todos criados por sociedades. Inicia no modelo indiano, passa pelo chinês, segue pelo hebraico, católico, muçulmano, etc. Ainda apresenta os modelos liberal, capitalista, socialista… Até chegar ao modelo brasileiro, que ele entende (acho que agora seria melhor dizer “entendia”) como o modelo onde ‘o futuro chegou’. Vale a leitura, à luz da realidade, e perceber onde erramos…

6) Leon de Tolstói não me havia, ainda, cativado. Mas quando li “A morte de Ivan Ilitch” senti um soco no fígado. Um soco na hipocrisia da vida que levamos. Um livro ‘pocket’ que lê-se de um golpe só. E que golpe!

7) Não conhecia Juan José Morosoli, escritor uruguaio, até ser presenteada com uma livro, comprado no aeroporto, desdes Pocket da LPM, pelo Rômulo De Jesus Dieguez de Freitas (ou fui eu quem comprou este??? – bem, não importa). O título, “A Longa Viagem de Prazer“,  tinha relação com o meu trabalho e já me convidou à leitura. Logo no início ele me lembrou o primeiro livro que referi, de Josué Guimarães, pois também fala da solidão do gaúcho, desta vez o uruguaio. Passagens lindas, como neste diálogo entre Aniceto e Tertuliano: “- Hermano – disse Aniceto – , fizemos uma linda viagem, mas vimos pouca coisa, não achas? – Não. As viagens só começam depois que a gente volta. Te digo isso eu, que uma vez fui a Montevidéu e só voltando, quando comecei a contar tudo pros outros, me dei conta de que aquilo que eu tinha visto era uma coisa bárbara”.

8) De Rubem Alves, posso dizer que gosto de muito do que ele escreveu. “Pimentas” é um dos livros que apreciou. Leitura leve, despretensiosa, para ler quando se quer pensar na vida… Acho que gosto mais do ” Ostra feliz não faz pérola“, pensando bem, mas adoro a ideia de que “pimentas podem provocar incêndios nos pensamentos”.

9) Eu tinha como primeira opção, aos meus 17 anos, fazer faculdade de Psicologia. Como não poderia deixar de trabalhar para poder pagar os estudos, optei pelo turismo (curso noturno). Bem, mas meu interesse por psicologia seguiu vivo e, ao ler Jung, só aumentou. “O homem e seus Símbolos” é base de meu pensar. Tenho que voltar a ler… Alguns livros merecem ser lidos em diferentes idades. Tenho que ter mais tempo…

10) Este é um dos meus livros de cabeceira atual: “Homo Deus” de Yuval Noah Harari. Tenho gostado muito de ler, (ou, melhor ainda, quando o Rômulo De Jesus Dieguez de Freitas aceita o convite para ler algumas páginas, e posso ouvir da voz dele, quando meus olhos estão cansados), à noite, este longo livro. “A história começou quando os homens inventaram os deuses e terminará quando os homens se transformarem em deuses”, é uma das citações que fazem você pensar, refletir e recompor sua percepção de mundo.

Importante:

O Viajante Maduro viaja como ideal de vida e profissão.

A opinião aqui expressa é a nossa verdade! As fotos são da Lúcia Fávero Moraes (nossa) e de  Ivane Fávero.

Não deixe de curtir nossa página no Facebookno Pinterest, no Youtube e no Instagram. Também aproveita e te inscreve aqui no blog, cadastra teu e-mail, assina e depois, quando receber o e-mail em sua caixa de mensagens, confirma! Isso é super importante para a gente! Estímulo para continuarmos com este blog. Agradecemos!

Esperamos que tenham gostado desta postagem, que teve sua elaboração feita com muito carinho e atenção. Queremos compartilhar nossas experiências com o objetivo de ajudar aos nossos leitores a terem experiências e vivências memoráveis em suas viagens, como nós.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:

Comentários