10 MOTIVOS PARA VISITAR O ALGARVE

Estivemos em várias cidades desta belíssima região e queremos compartilhar um resumo de nossas impressões. Com certeza, haverá muitos outros motivos que podem incentivá-lo a visitar o Algarve, mas destacamos os 10 que mais nos motivaram e que poderão encantar qualquer viajante maduro. Prepare-se! Serão muitas fotos, pois é tudo tão lindo, que é difícil não querer dividir com vocês o que mais se destacou, no que vimos.

Vegetação típica do litoral de Algarve, Portugal.
Uma das primeiras praias que visitamos. Barril, Algarve, Portugal.
Paisagens diferentes, na Ria Formosa, Algarve.
Praia do Barril. Algarve. Portugal, Centenas de âncoras na areia, marcam a chegada à praia.
Viajantes maduros felizes. Algarve. Portugal.
O ‘trem’ leva o turista até o mar. Praia Barril. Algarve. Portugal.
Grande amigo José Arruda, nosso guia e anfitrião, em Algarve, Portugal.
  • Visite a região na primavera, no outono ou no inverno. Deixe o verão para os norte europeus, que tanto precisam de um pouco de sol e competem com os espaços de areia que são ofertados no Algarve. Nas outras estações há menos turistas e é possível conviver com a população local, ter melhores serviços e preços menores.
Faro, Algarve, Portugal.
Simpática placa em Faro, Algarve, Portugal.
O fantástico pôr do sol em Faro, Algarve, Portugal.
Pôr do sol em Faro, Algarve, Portugal.
Centro histórico de Faro, Algarve, Portugal.
  • Circule pela rodovia interpraias (Estrada Nacional 125), deixando a Auto Estrada e conhecendo as belas e muitas vezes pequenas e charmosas praias do Algarve. Permita-se visitar várias, em um mesmo dia.
Pôr do sol em Lagoa, Algarve, Portugal.
Felizes!
Pôr do sol em Lagoa, Algarve, Portugal.
Pôr do sol em Lagoa, Algarve, Portugal.
  • Encante-se com as praias de Lagoa, fantásticas, com suas furnas e rochas calcárias moldadas pelo vento e douradas pelo sol, especialmente as praias de Carvoeiro e de N. Sra. da Rocha. Caminhe a pé, percorra os belíssimos e acessíveis pontilhões e, se possível, compre um passeio de barco. Na Lagoa, também visite o Sítio das Fontes e, se possível, assista ao funcionamento do moinho.
Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
O mar encanta. Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
Viajantes maduros felizes. Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
Difícil escolher uma só foto. Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
Tudo tão lindo. Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
O voo da Gaivota. Formação rochosa. Lagoa. Algarve. Portugal.
As lindas paisagens das praias de Lagoa. Algarve. Portugal. Esta é a Praia do Carvoeiro.
Sítio das Fontes, Lagoa, Algarve, Portugal.
Sítio das Fontes, Lagoa, Algarve, Portugal.
Adoramos as expressões portuguesas e algarvias.
Sítio das Fontes, Lagoa, Algarve, Portugal.
  • Sinta a emoção dos descobridores em Sagres. Visite o Forte (apesar dele ter sido descaracterizado na revitalização do espaço), veja a imensidão do mar, imagine o que pensaram os homens que se lançaram ao mar, para ‘descobrir o Brasil’. Depois vá até Lagos e veja o local de onde, de fato, partiram as caravelas;
Sagres, Algarve, Portugal.
Daqui partiram os “descobridores do Brasil”.
Sagres, Algarve, Portugal. Imensidão. Como ter coragem para se lançar, sem saber o que viria, após o ‘fim do mundo’.
Memórias dos peregrinos. Sagres, Algarve, Portugal.
Paisagens inspiradoras. Sagres, Algarve, Portugal.
Em escala! Novos amigos! Rômulo, José Arruda e Luis Encarnação. Sagres, Algarve, Portugal.
Viajantes Maduros felizes! Sagres, Algarve, Portugal.
  • Visite o Castelo de Silves, o mais antigo da cultura islâmica de Portugal, e coma uma laranja nesta terra famosa pelos bons frutos;
Castelo de Silves, Algarve, Portugal.
Laranjas de Silves, Algarve, Portugal.
Castelo de Silves, Algarve, Portugal.
  • Deguste os vinhos locais. Alguns únicos, exclusivamente elaborados neste território, como o feito a partir da uva Negra Mole, uma uva tinta clara, de cachos pequenos, chamada de a “miúda do campo”. A Quinta dos Vales, uma bela vinícola da região, que trabalha com obras de arte espalhadas pelos vinhedos, é uma das vinícolas que tem apostado na retomada desta uva típica deste território;
Vinho elaborado a partir da casta Negra Mole. Perfeito para acompanhar a gastronomia portuguesa. Com os agradecimentos à Vinícola João Clara.
Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
Arte na Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
O restaurante da Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
Saboroso almoço, entre amigos do enoturismo, na Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
Ao final do dia, palestra sobre enoturismo na Quinta dos Vales, Algarve, Portugal.
  • Vá até Vila do Bispo, nem que seja só para almoçar no antigo Café Correia. Mas não chegue com pressa ou escolhendo o lugar e, de preferência, reserve com antecedência. O restaurante, “sui generis”, simples e tradicional, é atendido pela família, e a D. Lilita, que herdou o restaurante do pai, gosta de “sentir o cliente” na chegada. Seu esposo, o Sr. José, é responsável pelos excelentes pratos, e seu filho ajuda no atendimento. Escolha entre as opções da casa, sempre “à correia”, ou seja, à moda da casa: Lulas à Correia, Polvo em Tomate, Camarão Guisado, Massa de peixe, Frango em tomate, Coelho e Borrego. De sobremesa, peça a famosa tarte de alfarroba, fruta seca desta região, que também leva generosas amêndoas, acompanhada de uma Amarguinha, um licor de amêndoa amarga, delicioso! Depois, se conseguires um contato especial, visite a adega do Sr. José, uma coleção muito preciosa de vinhos raros;
Vila do Bispo.
O tradicional Café Correia.
Tarte de amêndoas, figos e alfarroba.
Lulas recheadas à Correia.
Delicioso licor de amêndoa amarga.
O Vice-Prefeito da Lagoa entrega o livro sobre gastronomia ao Sr. José.
Não resisti à tietagem deste folclórico casal.
Rômulo, encantado com a Harley de coleção.
Cada garrafa, uma história.
Sr. José e seu ‘museu do vinho’, ao centro. Da esquerda para a direita: Adelino Soares, Prefeito de Vila do Bispo (aqui diz-se Presidente); Luis Encarnação, Vice-Prefeito de Lagoa; O João; eu e o José Arruda da AMPV.
  • Prove o “Frango da Guia”, se não for vegetariano, prato típico desta região. Temperados com limão, pimenta (aqui piri-piri), temperos, alguma bebida alcoólica e assados. Distinto do frango assado brasileiro, mas extremamente saboroso. Há muitos restaurantes que servem esta iguaria.
Franguinho da Guia.
  • Experimente outro prato típico da região, a Cataplana. O nome deriva do recipiente em que ela é cozida, uma panela hermeticamente fechada, tradição herdada dos árabes que aqui viveram por centenas de anos. Inicialmente feita em barro, hoje é encontrada em cobre ou inox. A cataplana pode ser de legumes, frutos do mar ou carnes.
Neste mercado é possível provar uma deliciosa Cataplana.
Mas os peixes frescos podem ser uma excelente pedida.
  • Delicie-se com o doce típico do Algarve, o Dom Rodrigo, feito a base de fios de ovos, temperado com canela e envolto em papel colorido, como um bombom. Infelizmente, esqueci da foto! Também, com tanta gostosura!

CONTATOS:

Para comer: Café Correia – rua 1º de Maio, 4 , Vila do Bispo, Faro – Fone: 282 639127

Para se hospedar: Straight from the Heart – Downtown, com Verônica e Bruno, excelente opção ofertada pelo AIRBNB. Fica no centro histórico de Faro, próximo do aeroporto. Uma casa de 300 anos, remodelada. Provamos e adoramos!

MAIS SOBRE O ALGARVE:

Algarve é uma expressão  que provém do árabe ¨al gharb¨, que significa ¨ocidente¨, “oeste”. Essa bela província portuguesa localiza-se na parte mais meridional de Portugal, com uma população de em torno de 450.000 habitantes.

É a mais importante região turística de Portugal, tem um clima temperado mediterrâneo, com invernos amenos e curtos e longos verões, secos e quentes.

As suas águas são calmas e banham a costa sul. As paisagens naturais da região são belíssimas, possuindo também um grande patrimônio histórico e etnográfico, além de uma excelente e saudável gastronomia. Isso faz com que Algarve atraia milhões de turistas portugueses e estrangeiros.

Algarve possui 16 municípios, sendo a sua capital a cidade de Faro. Praticamente todos os seus municípios possuem rica história e grande patrimônio cultural.

A província possui muitos pontos turísticos, como serras, rios, castelos, fortes, etc. Cada uma de suas cidades possui uma rica e singular história, especialmente ligadas aos portugueses, aos muçulmanos (árabes e berberes) que dominaram a região por mais de 500 anos, aos bárbaros (vândalos, visigodos e outros), aos romanos e ao povo pré-romano.

Um dos pratos típicos da região é a Cataplana, alimentos (mariscos, bacalhau, carne de porco, etc.) feitos com esse recipiente (Cataplana), utensílio de origem árabe.

É uma região belíssima, onde uma das suas marcas são as residências basicamente pintadas de branco, dando um maravilhoso e alegre ambiente às riquezas naturais e culturais existentes.

Pelo segundo ano, consecutivo, foi indicada como o melhor lugar para se viver, após a aposentadoria. Aqui já vivem mais de 100 mil aposentados, de várias partes do mundo, especialmente do Norte da Europa.

Amigos do além mar:  Rômulo, José Arruda e Luis Encarnação.Praia da N. Sra da Rocha, Lagoa, Algarve, Portugal.
Praia da N. Sra da Rocha, Lagoa, Algarve, Portugal.

IMPORTANTE:

Há muito mais para descobrir no Algarve, com certeza. Aventure-se e descubra! E, se tiveres outras dicas, podes incluir aqui e contribuir com os próximos viajantes maduros que buscarem esta terra encantadora.

Viajamos a convite da Associação dos Vinhos de Portugal – AMPV, da Prefeitura de Lagoa e da Vila do Bispo. Agradecemos ao Vice-Prefeito de Lagoa, Luís Encarnação,  ao Prefeito de Vila do Bispo, Adelino Soares,  e à AMPV, em nome de seu Secretário Geral, José Arruda, pela hospitalidade! Cumprimentos pelo belo trabalho realizado e apresentado!

Ainda assim, importante referir que o que aqui expressamos é resultado de nossa vivência no lugar e reflete nossa verdade.

As fotos, geralmente, são de Ivane Fávero (exceção das que ela aparece), que são de Rômulo de Freitas.

CONHEÇA NOSSA HISTÓRIA:

No início de 2017 nos permitimos vivenciar uma experiência por 4 países da Europa: Itália, França, Espanha e Portugal. Veja post aqui e conheça nossa história.

Veja outras postagens do blogo: Verona, Valpolicella,  Padova, Bolonha, várias cidades da Toscana, Sirmione.

Comentários