Dicas para conhecer Nova Iorque além da Times Square

A cidade de Nova Iorque vai muito além dos chamativos outdoors de propagandas rodeados de um mar de turistas da Times Square.

 

Nova Iorque é uma cidade única no mundo: é inspiração de grandes artistas, é a metrópole que une culturas de todo o resto do globo. É cidade do movimento constante, das luzes que lembram o céu estrelado.

Não importa o estilo do viajante: de aventureiros a românticos, de grupos de amigos a famílias, é difícil encontrar quem não se encante por essa cidade, um dos destinos mais procurados do mundo.

 

O casal Viajante Maduro esteve lá e adorou o destino.  Aqui reuniremos algumas dicas que vão além do clássico (também incrível) roteiro de Times Square e Estátua da Liberdade. Para isso, contamos com as indicações de Mariana Abbadi, brasileira e residente de Nova Iorque há dez anos.

Visita à Allis Island

 

Não deixe de visitar Allis Island, ilha que faz parte do monumento da Estátua da Liberdade. O local foi porto para mais de 12 milhões de imigrantes do século XIX ao início do século XX.  Atualmente, o antigo centro de inspeção virou um museu onde é possível conhecer – ouvindo, vendo e entrando nas dependências – as histórias de milhares de pessoas que moldaram os Estados Unidos e construíram a cidade de Nova Iorque.

 

É parada obrigatória para quem deseja entender melhor as motivações, anseios, medos e sonhos de tantas famílias que embarcaram em uma viagem incerta rumo ao chamado Novo Mundo.

 

“Fiquei anos morando aqui e nunca tinha ido. Quando fui, passei o dia todo lá de tanta coisa para fazer e aprender. Agora sinto que entendo melhor a história da cidade e do país que escolhi para viver. Recomendo a todos que vêm aqui”, conta Mariana.

Passeio no Brooklyn

 

Nova Iorque possui cinco distritos – Manhattan, Bronx, Queens e Brooklyn. Este, o mais populoso da cidade e que diz tanto sobre o estilo de vida nova iorquino. Antes “underground“, os bairros do distrito passaram por transformações significativas nos últimos anos e hoje são procurados por turistas do mundo inteiro que querem conhecer melhor a forte face artística de Nova Iorque.

 

Aqui, o bairro mais indicado para conhecer é Williamsburg. Para os amantes da moda, é indispensável conferir algumas das tantas lojas e grifes de vintage e streetwear que ditam tendências ao redor do mundo. Além, claro, de oferecer opções diversificadas de passeios, como a visita a cervejarias históricas da cidade, adegas para os amantes de vinho, restaurantes e bares sofisticados, além de ótimas opções de brunchs para um domingo agradável.

 

Além de Williamsburg, vale a pena a visita ao bairro Bushwick. Com os muros repletos de graffiti, é ideal para uma caminhada tranquila em um ambiente que, antes pobre, virou reduto artístico e hoje é uma verdadeira galeria de arte a céu aberto. Também oferece ótimas opções de restaurante com diferentes faixas de preço.

Pedalada/caminhada no Hudson River

 

Para os mais ativos, Mariana recomenda uma pedalada pelas margens do Rio Hudson, responsável pelo icônico cenário de Nova Iorque nos filmes hollywodianos.

 

A ciclovia às margens do rio é a mais utilizada em todo os Estados Unidos. Também há passarela para pedestres e bancos para sentar e contemplar a vista. É um “get away” de nova iorquinos que vão ao local para ler, comer e relaxar. Em suma, fugir um pouco da intensa frenesi da cidade que nunca dorme.  Uma dica: vá no horário do pôr do sol!

 

“Tesouro” do Central Park

 

O coração da cidade de Nova Iorque oferece ainda mais do que tours de preços salgados em bicicletas e carruagens. Pesquise bastante antes de conhecer o parque. Há muitos pequenos locais que valem à visita e são geralmente deixados de lado nos passeios prontos oferecidos pelos guias ao redor do Colombus Circle

 

Uma dica valiosa para os amantes de literatura é o Shakeaspeare Garden. É um jardim com centenas de espécies de plantas citadas na extensa obra de William Shakeaspeare. São identificadas em plaquetas, que também contém as citações dos clássicos. Ótimo cenário para fotos!

Em resumo, Nova Iorque tem opções de passeios e destinos para todos os gostos. É uma cidade multicultural e mar de variedades. Ainda assim, uma simples caminhada por suas ruas é inspiradora e uma experiência incrível por si só. É o que a torna tão incrível.

 

Defina prioridades e pesquise bastante para aproveitar a cidade de modo personalizado e único – sem se limitar à destinos populares que talvez não façam sentido para o que você procura conhecer da cidade.

 

Importante:

O Viajante Maduro viaja como ideal de vida e profissão. Também por amor aos seus familiares.

A matéria foi redigida pela jornalista Júlia Beatriz de Freitas.

As fotos são de Ivane Fávero.

A opinião aqui expressa é a nossa verdade!

Não deixe de curtir nossa página no Facebookno Pinterest, no Youtube e no Instagram. Também aproveita e te inscreve aqui no blog, cadastra teu e-mail, assina e depois, quando receber o e-mail em sua caixa de mensagens, confirma! Isso é super importante para a gente! Estímulo para continuarmos com este blog. Agradecemos!

Esperamos que tenham gostado desta postagem, que teve sua elaboração feita com muito carinho e atenção. Queremos compartilhar nossas experiências com o objetivo de ajudar aos nossos leitores a terem experiências e vivências memoráveis em suas viagens, como nós.

A programar sua viagem, utilize os links abaixo. As empresas e serviços aqui indicados foram testados por nós:

 

Comentários